Filtre por assunto: Gestão Inovação Tecnologia

Entenda como a gestão em tempo real aumenta os resultados da indústria têxtil

Gestão em tempo real significa não precisar mais esperar vários dias para obter os relatórios mais recentes sobre o seu negócio. Essa forma de administrar facilita os processos de manufatura e supply chain, ao fornecer a informação certa no momento certo. E usar as métricas mais recentes ajuda a empresa a tomar decisões mais inteligentes e resolver problemas mais rapidamente.

Neste artigo, você entenderá como o ERP no setor têxtil exponencia os resultados. Começaremos definindo dois conceitos (gestão em tempo real e ERP). Em seguida, aplicaremos os benefícios do sistema para a indústria têxtil. Finalmente, vamos conferir as razões para implantar essa metodologia e os métodos para escolher entre os diferentes fornecedores.

O que é e quais são os benefícios da gestão em tempo real?

Gestão em tempo real significa usar dados constantemente atualizados para entender o impacto de ações, de forma que a informação sugira as melhores decisões. Empresas em todo tipo de mercado, como varejo, TI, bancos, saúde e muitas outras, estão investindo em tecnologia de analytics em tempo real, tomando proveito do que está sendo chamado de ‘fast data’.

A maior parte dos clientes de serviços de Business Intelligence (inteligência de negócios ou BI) interage com dados em tempo real por meio de painéis (dashboards) de gerenciamento e outros relatórios automatizados. Cada vez mais gestores utilizam ferramentas visuais para entender os dados, por causa de sua facilidade de uso e capacidade de processar grandes quantidades de informação.

A demanda atual das indústrias é entender exatamente em que posição se encontram em qualquer aspecto operacional, de modo a poderem adaptar-se e reagir a mudanças de forma rápida e com confiança.

Cada vez mais administradores começam a entender que trabalhar com as informações do mês passado ou mesmo da semana passada não adianta mais.

Nesse sentido, entre os principais benefícios da gestão em tempo real, temos:

Melhoria do estoque

Um número muito grande de empresas no Brasil ainda utiliza métodos manuais para controle de estoque ou, quando o faz por um software, ele não “conversa” com os demais setores da empresa. Esses negócios, sem dúvida, estão perdendo dinheiro.

Ferramentas de gestão em tempo real acompanham o estoque e abastecem os outros departamentos com informações, de forma a economizar tempo e dinheiro em compras e armazenamento. É possível acompanhar matéria-prima e mercadorias do chão de fábrica às prateleiras das lojas. Assim, com a tecnologia, o negócio reduz o erro humano e melhora os fluxos de trabalho.

Aprimoramento do controle de produção

Programas de gestão em tempo real aceleram o acompanhamento da produção e fornecem informações sobre todo o processo de manufatura, do planejamento à redação da ficha técnica para produção têxtil e à entrega das ordens de compra.

É possível acompanhar o cumprimento da previsão de produção de um painel central e reduzir o tempo que leva para os produtos chegarem ao mercado. Tudo isso feito com um programa só.

Antecipação de tendências

A gestão em tempo real fornece uma grande riqueza de dados — não apenas em termos de quantidade, mas porque esses dados são de fato valiosos. A administração pode utilizá-los para prever tendências futuras de mercado e reduzir alguns riscos comuns em manufatura, como a queda de demanda de certos produtos ou ameaças como variações cambiais ou no preço de combustíveis.

Com informações de qualidade, é possível planejar operações futuras com mais cuidado, bem como reagir rapidamente a emergências, como um equipamento quebrado, um fornecedor atrasado ou uma greve de caminhoneiros.

ERP: inovação dentro da sua empresa

ERP é uma solução em software para gestão. Trata-se do gerenciamento integrado das operações do negócio, por meio de ferramentas que coletam, armazenam, gerenciam e interpretam dados.

Portanto, antes de ser um programa, ERP é uma forma de administrar, baseada na importância de entender como cada atividade (ordem de compra, saída de um item do estoque, movimentação no fluxo de caixa, etc.) tem impacto imediato e também de longo prazo sobre todos os outros setores da empresa e no uso desse entendimento para ajudá-la a competir e crescer.

Integração dos setores

O ERP faz com que os diferentes programas da empresa “conversem” uns com os outros. Imagine que a equipe de estoque utilize certo programa, enquanto o setor de vendas utiliza outro. Quando um cliente compra alguma coisa, o setor de vendas fica sabendo antes e, depois, precisa repassar a informação. O ERP faz isso automaticamente e ainda comunica à equipe do financeiro sobre a entrada de receita.

Visualização em tempo real

A gestão do tempo com ERP é possibilitada por meio de painéis, gráficos e relatórios automatizados, que são abastecidos pelos dados gerados pelos diferentes setores da empresa. Fluxo de caixa, estoque e produção podem ser visualizados e comparados. Assim, é possível saber o que está dentro da meta e o que precisa de alguma correção.

Benefícios do ERP para a indústria têxtil

A indústria têxtil é uma das mais tradicionais e um dos principais símbolos da Revolução Industrial. Ainda assim, o gerenciamento de processos, como manufatura, distribuição, vendas e contabilidade, mudou muito nos últimos anos.

A adoção de programas de ERP trouxe grandes benefícios para esses negócios, ao ajudá-los na eficiência dos processos e na organização e no processamento dos dados em uma plataforma consolidada.

Em seu nível mais básico, a indústria têxtil consiste em operações como: gerenciamento de estoque, aquisição de matéria-prima, controle de qualidade, administração da folha de pagamento, entre outras. A incorporação do ERP pode dar-se em vários pontos do caminho, como na produção de fibras sintéticas, penteado e cardado; fiação; tecelagem ou tricotagem; tingimento; estamparia; confecção; vendas e assim por diante.

A seguir, confira algumas vantagens do ERP na indústria têxtil:

Simplifica processos de manufatura

Um grande desafio da indústria têxtil é gerenciar de forma eficiente a matéria-prima. Sem soluções em ERP, as empresas enfrentam problemas complexos, como a compra em excesso de matéria-prima, insuficiência dela ou falta de controle de qualidade.

O ERP automatiza o processo de cálculo de uma estimativa da matéria-prima necessária, bem como de seu custo e da receita que será gerada pelos produtos feitos com ela.

Reduz o ciclo de produção

Sistemas de ERP alocam materiais para clientes específicos, ajudando a cumprir entregas no prazo. Às vezes, fica difícil efetuar vendas porque as compras certas não foram feitas no prazo. A gestão integrada torna esses processos mais eficientes.

Diminui o downtime das máquinas

Uma máquina ociosa significa tempo e dinheiro perdidos. Muitas vezes, uma tecelagem deixa de trabalhar por horas ou até dias porque a matéria-prima não chegou ou porque não há demanda. Como o ERP melhora o planejamento e a comunicação, o downtime é reduzido significativamente.

Reduz desperdícios em tingimento e acabamentos químicos

Entre os erros da indústria têxtil está o desperdício de tintura e outros elementos. Um ERP ajuda a economizar por meio de inventário químico, relatórios diários de produção, gerenciamento de laboratórios, etc.

10 razões para implantar um ERP

1. Centralizar todas as informações em uma plataforma

O uso de diferentes programas pelos vários setores da empresa dificulta a comunicação entre eles. Isso torna mais difícil entender a real situação do negócio e também aumenta o tempo e esforço necessário para as equipes se comunicarem entre si. Com o ERP, fazer diagnósticos fica mais fácil, rápido e preciso.

2. Garantir maior eficácia e eficiência com baixo custo e lucros maiores

Informações de qualidade permitem decisões melhores. O ERP possibilita enxergar rapidamente o impacto de cada decisão, de forma a concentrar suas atividades no que for mais lucrativo, bem como eliminar o que oferece menor margem e evitar o que trará desperdício.

3. Responder com rapidez às demandas diárias

A gestão em tempo real oferecida pelo ERP permite reagir no mesmo dia a eventos, como uma grande ordem de compra, a mudança em uma regra tributária ou o noticiário a respeito de uma cor ou coleção que fez grande sucesso no último evento de moda.

4. Analisar o desempenho dos colaboradores

O ERP permite identificar os resultados de cada funcionário, setor e máquina filial. O software pode ser usado para programas de incentivo ao desempenho e também para aprender onde cortar gastos.

5. Otimizar o gerenciamento dos clientes e impactar sua experiência

Saiba o que seus clientes querem antes de eles dizerem. Com um ERP, você pode antecipar demandas e entregar encomendas mais rapidamente, melhorando a experiência dos clientes. Naturalmente, ao melhorar o desempenho do seu serviço, você pode passar a cobrar mais caro.

6. Acompanhar diariamente as operações de compra e venda

Não é preciso mais telefonar para cada setor e pedir números. Eles irão automaticamente para o ERP. Se certa cidade ou região está aumentando a demanda, é possível reagir de acordo e encomendar mais matéria-prima, por exemplo.

7. Ter relatórios precisos e completos

Os relatórios do ERP são automatizados e abastecidos por todos os setores da empresa. Isso significa que nenhum dado do negócio ficará de fora.

8. Monitorar receitas, despesas e resultados

As vantagens do ERP para decisões financeiras são amplamente conhecidas. O sistema monitora receitas e despesas, ajudando no controle do fluxo de caixa e na definição de metas, como receita bruta e margem de lucro.

9. Controlar a cadeia de produção, venda e distribuição

O ERP na gestão da cadeia de suprimentos é um grande aliado. Ao automatizar processos de manufatura e estoque, as equipes de vendas e atendimento ao cliente podem responder melhor a encomendas e reclamações.

Funcionários da empresa podem acessar dados de clientes imediatamente e resolver qualquer problema na supply chain. Se for necessário contatar o RH ou a contabilidade, esses setores também podem enxergar os mesmos dados.

10. Reduzir erros e melhorar a segurança de dados

A automatização dos relatórios e a integração dos setores reduzem o retrabalho e diminuem a incidência de erro humano. Cada informação precisa ser cadastrada uma única vez e, a partir daí, estará disponível para todo mundo.

Além disso, o uso de um programa em rede consolida os dados em local seguro, reduzindo os riscos de perda envolvidos com o uso de um único computador ou de mídias físicas, como pendrives e livros-caixa.

3 pontos a considerar na hora de escolher um ERP

1. Escalabilidade

Uma solução de ERP bem estruturada permite a você adicionar novos usuários e funcionalidades à medida que as estratégias mudam. Ele também dá conta de adições no sistema sem afetar as operações correntes. Ou seja, o sistema ERP atua como aliado na expansão industrial.

2. Reputação da empresa

Sistemas de ERP são investimentos e, como tal, devem trazer retorno. Um fornecedor de boa reputação no mercado é uma garantia de que outros administradores estão utilizando aquela solução para competir e prosperar. Idealmente, a desenvolvedora do ERP enxerga-se como parceira no seu negócio, compartilhando uma visão na qual o seu sucesso também interessa a ela.

3. Necessidades do seu negócio

ERPs são sistemas customizados. Antes de contratar, é preciso definir prioridades e metas, de forma a encomendar uma solução que enfrente aqueles problemas. O software de gestão empresarial deve ser adequado às demandas do seu negócio têxtil.

Se você ainda não incorporou a gestão em tempo real no seu negócio têxtil, a hora é agora. Trocar os métodos manuais por ferramentas de digitalização de dados e integrar os diferentes setores da empresa ajudará a otimizar o estoque, aprimorar a produção e antecipar tendências. Um programa de ERP contribuirá para uma administração mais ágil, assertiva e produtiva.

Você achou este artigo interessante e quer aprender mais? Baixe nosso e-book gratuito sobre como aumentar a produtividade da sua empresa implantando a gestão integrada e aprenda como o ERP pode aumentar a produtividade do seu negócio.