Filtre por assunto: Gestão Inovação Tecnologia

Como economizar com a manutenção preventiva de máquinas?

Da mesma forma que é importante adquirir máquinas e equipamentos adequados, a empresa também precisa preocupar-se com a devida manutenção desses itens. Agir somente quando há um problema é algo bastante ineficiente, pois os custos podem ser altos e, ainda, são capazes de acarretar em diversos outros prejuízos.

Nesse sentido, é necessário destacarmos o conceito de manutenção preventiva de máquinas. Diferentemente da atuação corretiva, o trabalho preventivo traz uma série de benefícios diretos para a organização.

A ação corretiva é relacionada a todo reparo feito em equipamentos que apresentam falhas. Já a preventiva, por sua vez, refere-se a ajustes, serviços de inspeções sistemáticas, conservação, etc.

Isso é fácil entender, mas, muitas vezes, é difícil colocar em prática. Não deveria ser assim, pois é evidente que a manutenção preventiva traz muitas vantagens e a corretiva, uma série de dores de cabeça. Para possivelmente ajudá-lo nesse sentido, vamos explicar alguns dos principais ganhos da adoção de práticas de prevenção.

Gerar maior produtividade às máquinas

A manutenção preventiva de máquinas é essencial para que estes itens tenham mais produtividade e um tempo de vida útil prolongado. Afinal, a utilização contínua e o desgaste de peças podem diminuir ou retardar o tempo de atuação de um determinado equipamento.

Por outro lado, cuidar e conservar as máquinas assegura a otimização do funcionamento e permite que ele aconteça sempre de acordo com os melhores padrões possíveis. Por consequência, a empresa conquista o máximo de retorno sobre o investimento, o que possibilita os melhores processos e resultados.

Prever e cotar custos das peças antecipadamente

Os custos de consertar uma máquina podem ser, por si só, bastante altos. No entanto, quando há uma previsibilidade em relação a possíveis trocas de peças, a empresa gasta menos. Uma das formas de fazer isso é antever mudanças e cotar valores de peças de forma antecipada — em alguns casos, até vale a pena comprar determinadas peças e deixá-las guardadas para uma eventual emergência. Assim, além de ganhar tempo, a organização consegue fazer melhores negócios.

Evitar que a produção pare, caso uma máquina quebre

Com a manutenção preventiva, as máquinas funcionam melhor e por mais tempo. Assim, a empresa consegue aperfeiçoar a qualidade dos seus processos como um todo. Além da maior produtividade, o ganho também é sentido na eficiência.

Uma vez que os instrumentos e os aparelhos da companhia sempre funcionam como novos, as chances de existir algum erro diminuem de forma substancial. No entanto, caso aconteça alguma falha, a empresa poderá repará-la rapidamente, pois se preparou para essa possível situação.

Impedir que a empresa tenha que desembolsar um valor inesperado

A atuação preventiva tem como um dos principais benefícios a redução de custos em relação a toda cadeia produtiva. Máquinas paradas, por exemplo, representam materiais e horas de trabalho desperdiçados, além de evitar a possibilidade de a companhia desembolsar um valor inesperado.

Com mais produtividade, a empresa reduz seus gastos. Com menos insumos desperdiçados e mais eficiência do desempenho dos equipamentos, otimiza-se o consumo de materiais e energia. Com esse tipo de cuidado, a companhia dificilmente será pega de surpresa.

Ajudar a reduzir acidentes

Máquinas que não contam com uma efetiva manutenção preventiva apresentam muito mais riscos de sofrer com panes e falhas. Partindo do pressuposto de que essas situações só ocorrem em momentos inesperados, aumenta-se o risco de acidentes de forma substancial.

Esse cenário compromete a segurança dos colaboradores e, ainda, pode criar outros riscos para o ambiente. Por outro lado, com a manutenção preventiva, os problemas são corrigidos antecipadamente, o que é essencial para a segurança da organização como um todo.

A manutenção preventiva de máquinas prolonga sua vida útil.

Contar com um ERP para fazer a manutenção preventiva de máquinas

Para que os serviços de manutenção preventiva de máquinas sejam ainda mais eficientes, é importante contar com software de gestão especializado, também conhecido como ERP. Esse sistema permite, por exemplo, o planejamento e a automatização de controles e processos, possibilitando uma maior integração e dados mais precisos e seguros.

Um ERP também avisa o tempo de uso de cada máquina, a quantidade que ela já produziu e se está na hora de trocar alguma peça. Além dessas vantagens, um bom sistema utilizado na manutenção preventiva de máquinas ainda possibilita que o gestor tenha todo um histórico do trabalho. Nesse caso, é possível fazer análises e auditorias de todos os processos.

Mais um diferencial do ERP especializado em manutenção é a sua extrema facilidade de uso. O software pode ser programado para ser focado em um determinado setor ou ramo e, com isso, ele tem uma navegabilidade e um layout adaptados ao tipo de usuário que irá operá-lo. Isso, automaticamente, contribui para que o treinamento operacional seja facilitado.

Integrar todos os processos da empresa

Nesse contexto, é importante lembrar que, quando a empresa escolhe por um ERP que atue de forma direcionada, ela não está, necessariamente, abrindo mão de outros sistemas. É possível e completamente executável integrar os bancos de dados do ERP com um software especialista em manutenção. Esse procedimento pode ser tanto online — por meio do banco de dados — quanto offline — por meio da importação de arquivos.

Reforçamos que todas essas funções executadas pelo ERP podem gerar uma economia enorme para a empresa. Afinal, a organização ficará bem protegida em relação aos imprevistos e ganhará muito mais eficiência em sua produção. A consequência desse trabalho é o aumento das vendas e uma maior competitividade no mercado.

O que achou deste artigo? Como mostramos ao longo do texto, fazer a correta e devida manutenção preventiva de máquinas traz inúmeras vantagens para a organização como um todo. Graças a esse trabalho, é possível otimizar a produtividade, promover a redução de custos e assegurar muito mais segurança e qualidade de maneira geral.

Lembre-se de sempre se planejar para saber exatamente quais procedimentos deverão ser seguidos. É imprescindível que a companhia tenha seus referenciais ao elaborar planos mais específicos, como é o caso da manutenção preventiva de máquinas.

No momento de se programar, tenha em mente que é primordial saber sobre todas as etapas dos serviços que serão executados, considerando questões como a mão de obra e os materiais necessários.

Se você gostou do que leu neste conteúdo, acesse nosso Facebook e curta a nossa fanpage. Assim, você ficará por dentro de novidades, tendências e atualizações que podem ser primordiais para o crescimento contínuo e sustentável do seu negócio.