Filtre por assunto: Gestão Inovação Tecnologia

O que é mais efetivo a longo prazo: ERP integrado ou softwares de gestão independentes?

Quantas horas de seu dia são consumidas pelas atividades relacionadas à gestão administrativa cotidiana de sua empresa? Provavelmente, você nunca tenha parado para fazer um cálculo exato dessa situação. Mas é quase certo que, sem a ajuda de um software de gestão adequado, esse período gasto seja bem maior do que você imagina. E não precisamos nem dizer que “tempo é dinheiro”, não é mesmo?!

E onde nós queremos chegar com essa conversa? Simples! Nosso objetivo é mostrar como, a longo prazo, a implantação de uma solução para controlar a rotina do seu negócio pode gerar mais produtividade e assertividade.

Agora, se você ainda não sabe qual sistema pode suprir as necessidades da sua empresa, pensando no futuro, nós vamos ajudá-lo.

Conheça no material de hoje, as diferenças entre um ERP integrado e um software de gestão independente e confira qual das opções pode transformar horas gastas nas tarefas do dia a dia, em melhores resultados.

Diferenças entre ERP integrado e Sistema de Gestão

Já não é nenhuma novidade que, com a alta concorrência entre setores, buscar a excelência se tornou uma necessidade básica de qualquer modelo de negócio. Por isso, contar com o apoio de soluções que proporcionem melhoria nos processos internos e externos, e no gerenciamento das operações diárias, é mais que essencial.

No mercado, encontramos diversas ferramentas que facilitam o acesso às informações de cada setor. Entre elas, estão o ERP integrado e os sistemas de gestão independentes.

Entenda o que cada uma pode oferecer!

Software de gestão ERP integrado

Um sistema ERP integra todos os departamentos e procedimentos de uma empresa, possibilitando unificar a maioria das tarefas para que o objetivo final seja alcançado, conforme o planejamento inicial do projeto.

Este sistema pode oferecer diversos benefícios para sua empresa:

  • Mantém todas as informações em uma única plataforma;
  • Auxilia na redução de custos;
  • Reduz o retrabalho;
  • Oferece a opção de gerenciamento das notas fiscais;
  • E é um importante apoio na tomada de decisões.

Um bom sistema de gestão integrado oferece visualizações gráficas das principais informações da empresa. Você poderá analisar a situação do seu negócio com rapidez e eficiência, sem correr o risco de cometer equívocos na hora de tomar decisões.

Várias mãos em cima da outra

Com o apoio de um ERP será menos complicado determinar quais são as áreas que merecem mais investimentos, quais custos e despesas podem ser reduzidos sem afetar a qualidade das atividades realizadas pelos colaboradores, detectar falhas nos processos e determinar as causas para os principais problemas de sua empresa.

Softwares de gestão independentes

Já o sistema de gestão independente pode ser um sistema específico para um determinado departamento, com o objetivo de agilizar algum processo, mas não visando o todo. Esta pode ser uma boa solução para as empresas que estão começando e exigem menos processos e burocracia. Porém, com o passar do tempo e o com crescimento da empresa, optar por um ERP integrado é a melhor solução, já que administrar vários sistemas ao mesmo tempo se torna complexo.

Além disso, mesmo para quem utiliza um ERP integrado e opta por manter um ou mais sistemas independentes, há o risco de os dados finais não serem lançados em sua totalidade no software geral da empresa, o que torna a comunicação entre setores falha e custosa, quando as chances de erros aumentam muito.

No entanto, nem sempre os gestores querem abandonar os softwares específicos a que estão acostumados e, neste momento, uma integração pode ser a melhor solução, já que não exige esforços duplicados no lançamento das informações.

Qual dos dois será mais vantajoso a longo prazo?

A grande vantagem de implantar um sistema de gestão na sua empresa é poder focar nas atividades estratégicas que trarão melhores resultados sem ter que abdicar do cuidado e atenção que a gestão administrativa requer.

Um ERP integrado, fornece todas as informações da empresa em uma única plataforma, automatizando processos e unificando diferentes áreas. Com um ERP integrado, por exemplo, o departamento de custos poderá saber qual o volume de matéria-prima no estoque e gerar relatórios para determinar onde reduzir investimentos. A consulta a vários sistemas ou planilhas deixa de existir e qualquer informação de qualquer área da empresa, está sempre a um clique de você.

Essas vantagens não são encontradas em um software de gestão independente, que acaba isolando setores e suas informações. Esses modelos de sistema podem aumentar a chance de erros e gerar mais gastos, pois será necessário investir em uma solução para cada departamento.

Dessa forma, é possível determinar que um ERP integrado pode ser mais vantajoso a longo prazo, pois ele contribui com o crescimento sustentável do seu negócio, tornando sua empresa mais competitiva perante o mercado. E lembre-se: quanto mais criteriosa for a análise na escolha do software de gestão, maiores serão os benefícios para a empresa.

Aproveite e acesse nosso site para conhecer as soluções desenvolvidas pela Consistem e veja o que podemos oferecer para o seu segmento.