Filtre por assunto: Gestão Tecnologia

Entenda como liderar na era do Big Data e Analytics

Vive-se na era digital, onde as pessoas estão conectadas por meio dos mais diversos canais de comunicação. Essa superconexão gera uma quantidade gigantesca de dados, que se tornam informações estratégicas nas empresas, seja para melhorar processos de produção, atendimento ao cliente ou servir como base nas tomadas de decisão.

Para lidar com esse grande volume de dados, exige-se da liderança atual competências e conhecimento acerca das novas tecnologias. Para ajudá-lo, separamos algumas informações importantes para a nova era de líderes. Confira como liderar na era do Big Data e Analytics.

Organização centrada em Big Data

Hoje, a organização de uma empresa, ou seja, o seu planejamento, objetivos, metas e estratégias, torna-se mais complexo de ser realizada, sem levar em consideração a importância do Big Data.

Big Data refere-se ao grande volume de dados que influenciam os negócios no cotidiano de uma empresa. Mas, mais importante do que o volume de informações, é o que se faz com elas. É nessa função primordial que o líder deve estar preparado para atuar.

Muitas empresas hoje já criaram o CDO (Chief Data Officer), ou seja, uma liderança que tem como a sua principal responsabilidade organizar e supervisionar o que se faz com esses dados, de forma que eles sejam utilizados de maneira integrada e segura por toda a sua equipe.

Para conseguir realizar essa organização centrada em dados, são necessários softwares que analisem esses dados e os distribua de forma adequada entre as diferentes áreas. Assim, o líder terá as ferramentas necessárias para as suas ações.

Business Analytics

O uso de dados para tomada de decisões estratégicas dentro de uma empresa não é uma novidade. Desde 1980 o BI (Business Intelligence) fornece ferramentas para se mensurar os dados coletados relacionados aos negócios.

Com o avanço das tecnologias, a expansão das redes sociais e os diversos meios de comunicação entre as pessoas, foi gerada uma quantidade muito grande de dados. Caso uma empresa queira se manter competitiva no mercado, ela deve saber fazer uso deles.

A partir dessa demanda, surgiu a necessidade de avançar na tecnologia de análise desses dados. Além de compreender os dados, deveria ser possível antecipar o cenário. Em resposta a essa nova necessidade surgiu o Business Analytics.

O Business Analytcs permite a análise de informações, de diferentes plataformas, em tempo real. O resultado desse sistema é fornecer uma visão integrada de tudo que diz respeito à empresa. Isso é possível por meio de recursos estatísticos preditivos, ou seja, é possível gerar previsões seguras e testáveis.

Isso eleva a concepção de tomada de decisão integrada das empresas. O resultado desta adoção é uma visão agregada das informações corporativas, criando um novo tipo de inteligência, capaz de agilizar o processo de tomada de decisões dentro da organização.

A liderança na era da informação

O novo modelo das organizações impõe um líder com competências que o habilite a identificar e tomar as decisões necessárias nas diferentes oportunidades de negócio. Isso acontece, pois, além do grande fluxo de informações, a tendência é aliar tecnologia e resultados com baixo investimento.

Integrado à tecnológica

Uma das principais áreas responsáveis por essas inovações no universo corporativo é o TI (Tecnologia da informação). Anteriormente havia uma distinção clara entre a equipe responsável pelo trabalho técnico, a área de TI e os demais setores da empresa.

Com o avanço dos negócios digitais e seu impacto na dinâmica das empresas, não é mais possível realizar uma separação entre essas áreas. Se um líder quer potencializar a sua relevância, deve estar por dentro das transformações digitais.

Isso implica não só na necessidade de um conhecimento técnico, mas exprime o aumento de sua responsabilidade. Coloca o novo líder como aquele que, ao mesmo tempo que sabe lidar com pessoas, possui conhecimento das questões tecnológicas técnicas. Além de conseguir associar esses dois conhecimentos em favor dos objetivos da empresa.

Líder digital

Um dos maiores obstáculos à adaptação das empresas diante de constantes mudanças é a cultura corporativa. Antigos hábitos que funcionavam anteriormente, não funcionam mais. A tecnologia deve ser vista não como uma ameaça, mas como uma fonte de oportunidades.

O líder digital é aquele que contribui para essa transição e motiva toda a equipe a estar aberta e disposta a investir em novos conhecimentos para acompanhar as mudanças.

Ampliador de conexões

A antiga cultura corporativa entendia a relação entre liderança e colaboradores como a de chefe e empregado. Muitas mudanças já aconteceram, e o líder passou a ter um lugar ímpar na articulação e motivação de seus liderados. Mas as suas transformações não pararam por ai.

O líder possui um papel fundamental de ampliação das redes de conexão, tanto em relação às diferentes áreas da empresa, quanto em relação aos clientes, que hoje apresentam múltiplas possibilidades de interação com a empresa.

Estrategista

A era digital e do grande número de dados mudou a concepção entre as fronteiras. Uma de suas consequências é a modificação em relação à competitividade entre as empresas.

Se antes havia uma clara competição entre as empresas, como em uma corrida, em que era possível avistar quando um carro estava para te ultrapassar, hoje isso não é possível mais. O carro (concorrente) pode aparecer de todas as direções. Basta uma ideia inovadora e ela é capaz de ultrapassar todas as outras.

Esse fato imprime a importante função do líder de utilizar da tecnologia e dos dados preditivos para fechar os melhores negócios, possuir os insights nos momentos certos e antecipar tendências do mercado. O líder tem um papel estratégico na manutenção do sucesso da empresa no mercado.

O caminho do líder na era digital está sendo construído e em constante mudança. Mas como vimos, uma característica fundamental é conseguir se adaptar da mesma maneira que o mercado exige o mesmo das empresas.

Para essa adaptação ser possível, o novo líder deve investir em conhecimento e tecnologia para lidar com dados, pessoas e alinhar as estratégias aos objetivos das empresas.

Gostou do nosso conteúdo? Assine nossa newsletter e esteja a frente no caminho de ser um líder da era digital.


Fique por dentro das novidades. Assine a newsletter da Consistem.