Filtre por assunto: Gestão Tecnologia

Conheça 9 benefícios de um ERP para o setor de RH

Com uma rotina extremamente burocrática e informações de alta relevância, o setor de Recursos Humanos é dos que mais sofre com o volume de documentos, dados e informações. Contar com uma ferramenta que possibilite o armazenamento e a administração de todos os relatórios ligados às suas funções do departamento, é mais que necessário: é imprescindível.

Nesse contexto, o ERP surge como a melhor opção para atender as necessidades da equipe de gestão de pessoas, oferecendo módulos personalizados que permitem uma visão mais ampla dos resultados alcançados.

Confira a seguir, os 9 benefícios de um ERP para o setor de RH.

As vantagens em utilizar um ERP para o setor de RH

ERP é um sistema de gestão que agiliza as operações empresariais e o processamento de informações. Isso acontece porque, com o auxílio do sistema, todos os dados relevantes do negócio ficam disponíveis no mesmo local e os departamentos passam a estar integrados e alinhados. Além disso, com dados confiáveis em mãos é possível tomar decisões estratégicas mais acertadas.

Para entender melhor quais são os benefícios de um ERP para o setor de RHFF, veja a seguir a lista que preparamos:

Integração das informações

Os dados relevantes da empresa são integrados e disponibilizados no próprio software, o que oferece acesso fácil às informações. Entre os itens que podem ser consultados estão:

  • Reajustes salariais;
  • Ponto eletrônico;
  • Folha de pagamento;
  • Cálculo de horas extras;
  • Benefícios;
  • Cargos e salários;
  • Cadastro completo de colaboradores.

Além disso, é possível verificar as informações relativas a treinamentos, currículos armazenados, processos de recrutamento e seleção, medicina do trabalho etc. Outro benefício é que os dados ficam centralizados, o que facilita a tomada de decisões e as ações para delimitar projetos específicos.

Tomada de decisões estratégicas

Os dados centralizados pelo ERP podem ser analisados e ajudam a tomar decisões estratégicas. Com isso, é possível monitorar dados referentes à gestão, como por exemplo:

  • Turnover;
  • Taxa de absenteísmo;
  • Treinamento e qualificação;
  • Acidentes de trabalho.

Outra possibilidade é fazer alterações em despesas com salários, quadro de colaboradores, horas extras, rescisões contratuais e impostos. Analisar todos esses aspectos possibilita corrigir desvios e tendências negativas.

Controle de gestão

Essa é uma maneira do gestor de RH acompanhar o desempenho dos projetos e colaboradores. O ERP é um sistema seguro e automatizado, que possibilita fazer o controle das contas a pagar e a receber e monitorar toda a parte financeira da organização.

Assim, é possível fazer um planejamento mais adequado, o que assegura uma maior sobrevivência no mercado.

Redução de erros

O ERP torna mais visível o fluxo dos processos empresariais e faz o registro das ocorrências. Esse histórico facilita o planejamento e diminui a possibilidade de erros, inclusive devido à automação de processos.

Essa característica permite diminuir o retrabalho e fazer a equipe focar em questões estratégicas, não operacionais. Desse modo, consegue-se alcançar melhores resultados, que são resultantes de um mau planejamento.

Amparo à função estratégica do RH

Esse setor assumiu um papel estratégico nas empresas, mas ainda conta com atividades burocráticas, o que faz com que a equipe de RH fique sobrecarregada. Afinal, essa área fica com a responsabilidade de executar tarefas operacionais e as que exigem inteligência e planejamento.

Isso passa, novamente, pela automação de processos, o que faz com que a equipe não precise arrumar pastas, organizar papéis e elaborar relatórios simples, por exemplo.

Adequação ao eSocial

A implementação do eSocial trouxe muitas dúvidas às organizações e esse é um verdadeiro desafio para as empresas, já que é preciso automatizar as informações previdenciárias e trabalhistas para cumprir as regras do governo federal.

Em muitas empresas, as informações ficam dispostas em diferentes setores, por exemplo, financeiro e RH. Com o ERP é possível integrar as informações e garantir o compliance, ou seja, a adoção de melhores práticas.

implantação do ERP para o RH ainda facilita o fluxo de informações entre os departamentos pela automatização dos processos.

Padronização de processos

Os processos padronizados ajudam a incentivar o compartilhamento de informações e facilitam o acesso aos dados pelos diferentes setores. A consequência é o alto desempenho e a qualidade das atividades.

Afinal, os procedimentos são realizados sempre da mesma forma, independentemente de o colaborador estar ausente ou ser substituído. Isso porque são definidos modelos de referência a serem seguidos, o que traz mais agilidade, objetividade e clareza.

Isso significa que os produtos oferecidos seguem um padrão de qualidade, que influenciam o relacionamento com os clientes e passa a ideia de profissionalismo.

Registro de dados em longo prazo

ERP mantém o registro de dados empresariais, que podem ser analisados em longo prazo. Isso permite que o gestor acompanhe os relatórios da equipe e assegure mais frequência e eficiência produtiva ao mesmo tempo em que diminui retrabalhos e falhas.

Perceba que o monitoramento dessas informações é difícil no dia a dia, porque é preciso considerá-las individualmente. Quando verificada em longo prazo, é possível tomar decisões mais precisas, que estão embasadas em um histórico confiável. Além disso, as ações podem ser justificadas por esses relatórios.

Otimização dos recursos investidos

O ERP, por reduzir a quantidade de erros cometidos, potencializa o uso dos recursos e ainda possibilita eliminar atividades que não agregam valor ao negócio. O sistema de gestão ainda permite identificar problemas para aplicar ações de correção e prevenção.

O software ERP ainda diminui a burocracia e melhora a produtividade dos profissionais. Dessa forma, o tempo pode ser utilizado para a execução de outras atividades e isso aumenta a motivação das pessoas, o que reduz o absenteísmo.

Assim, fica evidente que o ERP ajuda muito o RH para se fortalecer como um setor estratégico. Com isso, você consegue ter mais benefícios e garantir os pontos positivos para o seu negócio.

E na sua empresa, já é utilizado um sistema ERP? Se você quer ter acesso a mais dicas relevantes, aproveite para seguir a nossa página no Instagram, Facebook, YouTube LinkedIn.


Fique por dentro das novidades. Assine a newsletter da Consistem.